pvd decorativo
Características gerais

O revestimento PVD tem tipicamente uma espessura que varia entre 0,2 µ até 2 µ e apresenta ótimas características, tanto do ponto de vista estético quanto pela durabilidade ao longo do tempo.

  • Excepcional dureza superficial (1000-2500hv)
  • Elevada resistência ao desgaste e abrasão
  • Estabilidade da cor aos raios UV
  • Resistência aos solventes ácidos, alcalinos e produtos de limpeza domésticos
  • Resistência ao suor e transpiração humanos
  • Hipoalergênicos: conforme dm de 21/03/1973 ( Legislação Italiana aplicável )
  • Impacto ecológico irrilevante
  • Resistência à corrosão superior a qualquer outro tratamento superficial
Materiais processáveis

A Coating Division esta capacidada e revestir uma vasta gama de materiais:

  • Metais ferrosos e não ferrosos (aço, aço inox, titânio, latão, alumínio, zamac, etc.),
  • Vidro e cristais,
  • Cerâmica ,
  • Polímeros, como ABS e policarbonato (devidamente preparados).
Cores:
  • bright
  • satin
  • pearl
Acabamentos

Todas as cores podem ser fornecidas com diferentes acabamentos superficiais:

Polido
Satinado
Jateado
Escovado
Controle da qualidade:

O laboratório interno certifica diariamente a qualidade estética e técnica dos revestimentos e, mediante testes específicos, esta habilitado a caracterizar o revestimento solicitado.

CARACTERíSTICAS ESTéTICAS

colorímetro conforme DIN 6174; rugosímetro conforme BS ISO 4287)

MEDIDA DA ESPESSURA

(spectrofotômetro por raios X, conforme ISO 3497)

RESISTêNCIA à CORROSãO

(teste NSS, teste AASS, teste CASS, conforme UNI ISO 9227)

ADERêNCIA SUPERFICIAL

(teste de micro-scratch, conforme ASTM C1624)

ESTABILIDADE DE COR

(teste em água ultra-desmineralizada, conforme ASTM D870)

DUREZA SUPERFICIAL

(nano indentation ISO 14577-1)

REVESTIMENTOS PVD TéCNICO
Características gerais

Os revestimentos para aplicações funcionais possuem espessuras que variam tipicamente entre 1 µm até 6 µm e as temperaturas do revestimento que podem alcançar até 550 °C.

A característica principal de tais revestimentos – diferentemente do setor decorativo – é aquela de incrementar, de maneira significativa, a performance de trabalho e a durabilidade operacional dos componentes revestidos. Graças aos revestimentos PVD é possível, em particular, conferir ao produto uma dureza extrema, boa adesão ao substrato, alta resistência à corrosão e baixo coeficiente de atrito.

Revestimentos técnicos típicos são: TiN, AlTiN, AlCrN, TiAlN, TiCN, CrN, ZrN, DLC (acrônimo de Diamond Like Carbon). Uma menção especial cabe para este último tipo de depósito, que pode ser obtido tanto mediante a tecnologia PVD, quanto o PECVD. O DLC apresenta características excepcionais quanto a dureza e baixo coeficiente de atrito, com muitas aplicações em potencial.

Aplicações

Os revestimentos técnicos desempenham um papel de importância primária quanto a eficácia e eficiência de um número muito elevado de componentes.
A seguir algumas das principais aplicações:

Para maiores informações Download Area

contatos
Rua José Augusto dos Santos, 108 - Edifício Olimpus Offices / sala 308 - São José dos Campos - São Paulo - 12.230-085 - Tel. +55 (12) 9 9664-0224